Rute Deixa Sua Terra (Rute 1-2)

terça-feira, junho 25, 2013




Em Israel na cidade de Belém os Israelitas estavam passando por um momento de fome muito grande por causa da desobediência há muito tempo que não chovia então o solo ficou sem condições de Dar fruto (Terra Seca)
Existia um homem chamado Elimeleque que não suportou mais e foi para um lugar onde ele consegui - se viver melhor com sua esposa Noemi e seus dois filhos para uma cidade chamada Moabe e não era nada fácil viver por lá por que nessa cidade as pessoas adoravam a ídolos estranhos e Elimeleque e sua família tinham outros costumes e adoravam só a Deus.(viveram em meio a ídolos mais conseguiram manter sua fé)


O tempo passou e Elimeleque faleceu restando como membros de sua família sua esposa e seus filhos que já estavam grandes por isso sua mãe resolveu escolher duas moças para casar com seus filhos Malom e Quiliom e ela não foi até sua terra antiga ela escolheu entre as moças de Moabe mesmo.
Rute e Orfa foram escolhidas mais logo seus filhos também vieram a falecer a tristeza era muito grande naquela família agora só tinha as mulheres.
Aquele lugar trazia muita tristeza para Noemi onde ela olhava lembrava-se de seus filhos e seu marido. Mas Noemi ficou sabendo de uma noticia boa lá em Belém sua terra não havia mais fome o Senhor providenciou o pão para os Israelitas e como ela tinha terras por lá o melhor a fazer seria voltar.
Mais o que ela faria com suas Noras que como ela também eram viúvas, Noemi viu que as Moças ainda eram novas e mereciam ser feliz novamente e como poderiam casar se ainda ela tomou uma decisão e falou para elas:
    - Meninas eu voltarei para minha terra mais vocês não precisam vir comigo fiquem por aqui e se casem isso será o melhor a fazer e Deus recompensará a vocês com uma boa família por que vocês foram muito boas comigo e com meus filhos.
Em pranto as meninas diziam que não iriam abandonar Noemi e ela insistia pra que ficassem por fim, Orfa se convenceu a ficar mais Rute insistiu e disse:
    - Não me importa se o que vai me acontecer será bom ou ruim eu irei com a Senhora e o seu Deus será o Senhor de minha vida.
Chegando a Belém Noemi foi recebida com alegria mais ela não queria mais sorrir e nem ser reconhecida como feliz ela pediu para ser chamada de Mara que significa “mulher amargurada” Disse ela:
   -Sai daqui com tudo e hoje voltei sem nada.
Noemi acreditava que Deus estava punindo ela e não achava que era certo as noras sofrerem também sendo elas tão boas e agora tudo que ela possuía era a lealdade de Rute.
 Naquela época nas plantações de trigo quem tinha terra tinha que deixar quem estava com dificuldade financeira entrar em sua plantação e recolher os milhos que caíssem no chão e Rute pediu a sua sogra para que ela pude – se fazer isso também e assim as duas teriam o que comer. Por acaso (plano de Deus) Rute foi parar em uma plantação que pertencia a um parente muito rico de seu falecido sogro chamado Boaz.
Boaz parecia um Homem muito bom ele chegou abençoando seus empregados e logo avistou Rute perguntou quem era aquela moça.
E só falaram coisas positivas dela que ela era a moça que veio com Noemi e era muito trabalhadora e que estava trabalhando desde muito cedo e só parou um pouquinho.
Boaz chamou a Noemi e disse moça não precisa ir a outras plantações fique por aqui e fique com os meus empregados e tudo que cair pode pegar e fique a vontade para beber água dos poços daqui.
Rute pelo jeito já havia sido muito maltrada, e essas pessoas que iam as plantações pegarem a espiga não era bem vinda e de maneira nenhuma eles recebiam água.
Rute virou pra Boaz e perguntou por que você está me tratando bem se eu sou uma estrangeira.
Ele disse:
Eu conheço a sua historia e sei o que você tem feito por Noemi e o que você deixou seu pai e sua mãe e veio pra debaixo da proteção de nosso Deus.
A bondade de Boaz era admirável ele convidou Rute para sentar a mesa com seus empregados onde ele também almoçava e ela comeu até ficar satisfeita e guardou um pouco de comida para sua sogra. Boaz também pediu a seus empregados que deixa se espigas caírem de propósito no chão.
Terminado o dia Rute estava muito feliz ela viu a bondade que existia em um homem de Deus e ela levou tanto milho para casa que Noemi voltou a sorrir e ela sentiu que nosso Deus cuida de nós em momentos de dificuldade e ele prometeu cuidar das viúvas e dos órfãos.
Mas o tempo de colheita um dia iria acabar qual seria o destino daquelas duas mulheres por quanto tempo elas viveriam de catar aquilo que os outros não queriam.
Desenvolvimento:
Rute mesmo que tivesse longe se lembrava de Noemi tanto que quando comeu guardou comida pra Noemi essa bondade de Rute atraiu outras pessoas boas pra estar ao seu lado e ajudar que era Boaz.
Temos que valorizar as pessoas que querem nosso bem.
Rute mesmo tendo crescido em uma cidade pagã pode escolher o caminho certo que era servir a Deus mesmo que não parece se fácil.

You Might Also Like

3 comentários

  1. Gostei muito do que vi !
    Muito difícil encontrar espaços bacanas como este :_)

    Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada,

    http://bolgdoano.blogspot.com.br/

    Agradeço desde já !

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante, retribuo visitas e cometários.

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images

Uma foto no Flickr
Uma foto no Flickr
Uma foto no Flickr